Estudo Salmos 30 – Ações de graça pela libertação da morte

Neste capítulo, o salmista louva a Deus por tê-lo livrado da morte e sarado. Assim como essa benção foi dada a Davi, todos os filhos de Deus também foram abençoados.

Inicialmente, Davi exalta o Senhor pelos livramentos e preservação da sua vida (Salmos 30.1 a 30.5). E conhecemos uma das expressões mais conhecidas da bíblia: “Ao anoitecer, pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã” (Salmos 30.5b).

Por mais que aconteçam momentos de grande aflição, e o período noturno é propício para isso, pela manhã grandes alegrias estão por vir. Porém, por toda a vida, há o favor de Deus em prol dos seus filhos.

Enquanto isso, a soberba do homem em situação de prosperidade pode o levar a se sentir autossuficiente e poderoso. Nesse momento, Deus se retira da sua presença. Porque somos completamente dependentes do Senhor (Salmos 30.6 a 30.7).

Por isso, a nossa súplica deve ser por auxílio constante do Senhor e para termos a possibilidade de louvá-lo aqui na terra (Salmos 30.8 a Salmos 30.10).

E a obra que Deus sempre faz é converter o choro em riso, é substituir a vergonha por alegria. Por isso louvamos e agradecemos a Deus (Salmos 30.11 a 30.12).

“1 Eu exaltarei o Senhor, pois me livrou dos meus inimigos. Eles não puderam se alegrar com uma vitória sobre mim.
2 Clamei por socorro ao Senhor, meu Deus, e ele me curou.
3 O Senhor me tirou da sepultura. Eu já estava com um pé na cova, e o Senhor me devolveu a vida.
4 Todos vocês, pessoas consagradas pelo Senhor, cantem salmos de louvor ao seu santo nome.
5 Porque a sua ira só dura um instante. Mas o seu interesse e cuidado por nós duram a vida toda. O choro pode durar a noite toda, mas de manhã ele nos devolve a alegria.
6 Quando tudo corria bem eu pensava comigo mesmo: “Estou numa boa situação; nada de mau pode me acontecer.
7 O Senhor me sustenta e me deixa firme como uma montanha”. Bastou o Senhor esconder a sua face, fiquei apavorado.
8 Então, clamei ao Senhor; a ele implorei por misericórdia!
9 “Que vantagem haverá se eu morrer e for enterrado? Transformado em pó, debaixo da terra, não poderei louvar o Senhor e proclamar a sua fidelidade!
10 Ouça a minha oração, Senhor! Mostre a sua compaixão por mim; ajude-me, Senhor!”
11 O Senhor transformou as minhas lágrimas em dança alegre. Tirou as minhas roupas de luto e me vestiu com roupas de festa,
12 para que eu cante louvores sem parar. Sim, Senhor, meu Deus, eu sempre darei graças ao Senhor, por toda a minha vida.”

Salmos 30 – Rei Davi


Foto: Pexels; Estudo inspirado por: Bíblia Shedd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Salmos 52.1

Estudo Salmos 52 – Oração de Lamento

O Salmo 52 é um salmo de lamento, que começa com uma condenação direta contra um homem mau. O salmista o acusa de trair a confiança de Deus, se gloriar do mal que pratica e amar mais a mentira do que a verdade. O salmista se volta para Deus como

Temas

Receba inspiração no seu Email

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial