Estudo Salmos 33 – Louvor ao Criador e Preservador

Neste capítulo, o salmista convida os justos e retos a celebrarem e louvarem ao Senhor. Pois Ele é bom, fiel e a Sua palavra não muda.

São muitos os motivos para a adoração a Deus, entre eles estão: retidão da palavra do Senhor, proceder fiel, amor à justiça e ao direito e a Sua bondade espalhada pela terra (Salmos 33.1 a 33.5).

Além disso, tudo o que há no universo foi fruto da Sua criação (Salmos 33.6 a 33.9).

Por maior que seja o poder de alguma nação, governo ou exército, sempre a vontade de Deus prevalecerá sobre todos eles (Salmos 33.10 a 33.17).

E o cuidado de Deus para os que o temem e esperam na sua misericórdia é a certeza de livramento da morte e da fome (Salmos 33.18 a 33.19).

Por fim, para os justos, o Senhor sempre será seu auxílio, esperança e refúgio (Salmos 33.20 a 33.22).

1 Cantem de alegria ao Senhor todos os que têm amor por ele! Louvar o Senhor é o que há de melhor para os justos.

2 Cantem melodias de gratidão ao Senhor com harpa de dez cordas! Usem instrumentos de corda para cantar salmos em louvor a ele!

3 Cantem uma nova canção ao Senhor! Toquem bem seus instrumentos com gritos de alegria!

4 Façam isso porque a Palavra do Senhor é verdadeira; ele é fiel em tudo que faz.

5 Ele tem prazer na prática da justiça e da verdade; a terra está cheia da bondade do Senhor.

6 Mediante uma palavra do Senhor os céus foram criados; com o sopro da sua boca apareceram todos os corpos celestes.

7 Ele formou os grandes oceanos num só lugar; ele criou uma grande represa para as águas do mar e as grandes ondas.

8 Por isso, toda a terra tema o Senhor; tremam diante dele todos os habitantes da terra,

9 porque com uma só palavra ele criou todas as coisas. Ele ordenou, e o universo inteiro apareceu!

10 O Senhor desfaz os planos e projetos das nações que não lhe obedecem,

11 mas os planos do Senhor são eternos; não podem ser modificados. As suas decisões serão mantidas para sempre.

12 Feliz é o povo que tem o Senhor como seu Deus, o povo que ele escolheu para ser exclusivamente seu.

13 Lá do céu o Senhor olha a terra e vê toda a humanidade;

14 do seu santo lugar onde vive, ele observa a vida de todos os habitantes da terra.

15 Ele fez cada um de nós e conhece cada coração e tudo o que fazem.

16 O melhor exército do mundo não salva a vida de um rei; nem guerreiros conseguem a vitória por serem fortes e corajosos.

17 Um belo cavalo, treinado para a batalha, não é garantia de vitória; apesar da sua grande força, é incapaz de salvar.

18 Mas os olhos do Senhor vigiam e protegem os que lhe obedecem e dependem completamente do seu grande amor.

19 Quando estiverem correndo perigo de vida, quando houver fome na terra, eles serão salvos pelo Senhor!

20 Nossa esperança está no Senhor para nos salvar! Ele nos ajuda e nos protege.

21 Ele dá alegria ao nosso coração, porque confiamos no seu santo nome.

22 Senhor, cubra-nos sempre com o seu amor constante e cuidadoso, pois nossa esperança está no Senhor!”

Salmos 33


Foto: Pexels; Estudo inspirado por: Bíblia Shedd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Provérbios 14.1

Estudo Provérbios 14 – A Importância da Sabedoria e a Atitude dos Tolos

Provérbios 14 discute temas como a importância da sabedoria, a atitude dos tolos e a busca pela retidão. O capítulo começa enfatizando a importância da sabedoria, destacando que uma pessoa sábia constrói sua própria casa, enquanto o tolo a destrói. A sabedoria traz prosperidade e segurança, enquanto a falta de

Salmos 132.1

Estudo Salmos 132 – Esperança em Deus

O Salmo 132 é um salmo que fala sobre o compromisso de Deus em estabelecer um rei da linhagem de Davi e a resposta do povo em buscar a presença de Deus. O salmo começa com o salmista relembrando o compromisso de Davi em construir um lugar especial para a

Salmos 32.10

Estudo Salmos 32 – A bem-aventurança de quem recebe o perdão

Neste capítulo, Davi expressa o quanto será alegre a vida de quem tem os seus pecados perdoados e cobertos por Deus. A expressão bem-aventurado se refere à alegria intensa, que o homem com sua iniquidade perdoada recebe (Salmos 32.1 e 32.2). Uma diferença clara é estabelecida entre o homem que

Salmos 41.1

Estudo Salmos 41 – Proteção e Cuidado de Deus

O Salmo 41 é um poema que fala sobre a proteção e o cuidado de Deus por aqueles que buscam ajudar os necessitados e que clamam por sua misericórdia. O salmo começa com uma bênção para aqueles que cuidam dos necessitados, dizendo que o Senhor os livrará no dia da

Temas

Receba inspiração no seu Email

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial