Estudo Mateus 12 – A Árvore e seus Frutos

Mateus 12.33

No capítulo 12 do livro de Mateus, encontramos uma série de eventos e ensinamentos de Jesus que revelam sua relação com a observância do sábado e seus conflitos com os fariseus.

Em um sábado, os discípulos de Jesus, estando com fome, colheram espigas e comeram, o que levou os fariseus a acusá-los de violar o sábado.

Jesus respondeu a essa acusação, mencionando o exemplo de Davi e seus companheiros que comeram os pães da proposição no templo, mesmo sendo algo reservado aos sacerdotes.

Ele argumentou que, se os sacerdotes no templo podiam violar o sábado sem culpa, então seus discípulos também estavam agindo corretamente.

Jesus enfatizou sua autoridade sobre o sábado, afirmando que o Filho do Homem é Senhor do sábado. Ele também citou uma passagem das Escrituras que destacava a importância da misericórdia sobre os sacrifícios.

Em outra ocasião, Jesus entrou na sinagoga e curou um homem com a mão ressequida no sábado. Isso gerou mais controvérsia, pois os fariseus questionaram se era lícito curar no sábado. Jesus respondeu, argumentando que é permitido fazer o bem no sábado e questionando se alguém não faria esforços para resgatar uma ovelha que caísse em uma cova no sábado.

Os fariseus, no entanto, conspiraram contra Jesus, buscando formas de tirar-lhe a vida. Jesus, ciente disso, retirou-se e continuou a realizar curas e milagres, muitas vezes instruindo as pessoas a não divulgarem esses eventos.

Ele também destacou que sua missão estava de acordo com as profecias do Antigo Testamento, como a de Isaías, que descrevia o servo escolhido por Deus para anunciar juízo aos gentios.

Quando Jesus curou um endemoninhado cego e mudo, a multidão se admirou e começou a questionar se ele era o Filho de Davi. No entanto, os fariseus acusaram-no de expulsar demônios pelo poder de Belzebu, o que levou Jesus a refutar essa acusação, explicando que um reino dividido contra si mesmo não pode subsistir e que a chegada do reino de Deus indicava sua autoridade sobre os demônios.

Jesus também advertiu sobre a gravidade da blasfêmia contra o Espírito Santo, enfatizando que tal blasfêmia não seria perdoada. Ele explicou que as palavras revelam o estado do coração das pessoas e que, no Dia do Juízo, as palavras teriam um peso significativo.

Ao falar sobre árvores e seus frutos, Jesus ensinou que o caráter de alguém é revelado por suas ações e palavras, e que, de acordo com o que está no coração, as palavras proferidas terão consequências no Juízo.

Jesus também mencionou o sinal de Jonas, comparando sua própria morte e ressurreição com a experiência de Jonas no ventre do grande peixe. Ele enfatizou que uma geração má e adúltera buscava sinais, mas só lhes seria dado o sinal de Jonas.

Por fim, quando sua mãe e irmãos procuraram por ele, Jesus declarou que aqueles que fazem a vontade de Deus são sua verdadeira família. Ele enfatizou a importância de seguir a vontade do Pai celeste como critério para pertencer à sua família espiritual.

Esses ensinamentos e eventos ilustram a relação de Jesus com o sábado, seus confrontos com os fariseus e seu chamado para uma comunidade baseada na vontade de Deus.

———

Mateus 12

Jesus é senhor do sábado

Por aquele tempo, em dia de sábado, passou Jesus pelas searas. Ora, estando os seus discípulos com fome, entraram a colher espigas e a comer.

Os fariseus, porém, vendo isso, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos fazem o que não é lícito fazer em dia de sábado.

Mas Jesus lhes disse: Não lestes o que fez Davi quando ele e seus companheiros tiveram fome?

Como entrou na Casa de Deus, e comeram os pães da proposição, os quais não lhes era lícito comer, nem a ele nem aos que com ele estavam, mas exclusivamente aos sacerdotes?

Ou não lestes na Lei que, aos sábados, os sacerdotes no templo violam o sábado e ficam sem culpa? Pois eu vos digo:

aqui está quem é maior que o templo.

Mas, se vós soubésseis o que significa:

Misericórdia quero e não holocaustos,

não teríeis condenado inocentes.

Porque o Filho do Homem é senhor do sábado.

O homem da mão ressequida

Tendo Jesus partido dali, entrou na sinagoga deles.

10 Achava-se ali um homem que tinha uma das mãos ressequida; e eles, então, com o intuito de acusá-lo, perguntaram a Jesus: É lícito curar no sábado?

11 Ao que lhes respondeu: Qual dentre vós será o homem que, tendo uma ovelha, e, num sábado, esta cair numa cova, não fará todo o esforço, tirando-a dali?

12 Ora, quanto mais vale um homem que uma ovelha? Logo, é lícito, nos sábados, fazer o bem.

13 Então, disse ao homem: Estende a mão. Estendeu-a, e ela ficou sã como a outra.

14 Retirando-se, porém, os fariseus, conspiravam contra ele, sobre como lhe tirariam a vida.

Jesus se retira

15 Mas Jesus, sabendo disto, afastou-se dali. Muitos o seguiram, e a todos ele curou,

16 advertindo-lhes, porém, que o não expusessem à publicidade,

17 para se cumprir o que foi dito por intermédio do profeta Isaías:

18 Eis aqui o meu servo, que escolhi, o meu amado, em quem a minha alma se compraz. Farei repousar sobre ele o meu Espírito, e ele anunciará juízo aos gentios.

19 Não contenderá, nem gritará, nem alguém ouvirá nas praças a sua voz.

20 Não esmagará a cana quebrada, nem apagará a torcida que fumega, até que faça vencedor o juízo.

21 E, no seu nome, esperarão os gentios.

A cura de um endemoninhado cego e mudo. A blasfêmia dos fariseus. Jesus se defende

22 Então, lhe trouxeram um endemoninhado, cego e mudo; e ele o curou, passando o mudo a falar e a ver.

23 E toda a multidão se admirava e dizia: É este, porventura, o Filho de Davi?

24 Mas os fariseus, ouvindo isto, murmuravam: Este não expele demônios senão pelo poder de Belzebu, maioral dos demônios.

25 Jesus, porém, conhecendo-lhes os pensamentos, disse: Todo reino dividido contra si mesmo ficará deserto, e toda cidade ou casa dividida contra si mesma não subsistirá.

26 Se Satanás expele a Satanás, dividido está contra si mesmo; como, pois, subsistirá o seu reino?

27 E, se eu expulso demônios por Belzebu, por quem os expulsam vossos filhos? Por isso, eles mesmos serão os vossos juízes.

28 Se, porém, eu expulso demônios pelo Espírito de Deus, certamente é chegado o reino de Deus sobre vós.

29 Ou como pode alguém entrar na casa do valente e roubar-lhe os bens sem primeiro amarrá-lo? E, então, lhe saqueará a casa.

30 Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha.

31 Por isso, vos declaro: todo pecado e blasfêmia serão perdoados aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada.

32 Se alguém proferir alguma palavra contra o Filho do Homem, ser-lhe-á isso perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será isso perdoado, nem neste mundo nem no porvir.

Árvores e seus frutos

33 Ou fazei a árvore boa e o seu fruto bom ou a árvore má e o seu fruto mau; porque pelo fruto se conhece a árvore.

34 Raça de víboras, como podeis falar coisas boas, sendo maus? Porque a boca fala do que está cheio o coração.

35 O homem bom tira do tesouro bom coisas boas; mas o homem mau do mau tesouro tira coisas más.

36 Digo-vos que de toda palavra frívola que proferirem os homens, dela darão conta no Dia do Juízo;

37 porque, pelas tuas palavras, serás justificado e, pelas tuas palavras, serás condenado.

O sinal de Jonas

38 Então, alguns escribas e fariseus replicaram: Mestre, queremos ver de tua parte algum sinal.

39 Ele, porém, respondeu: Uma geração má e adúltera pede um sinal; mas nenhum sinal lhe será dado, senão o do profeta Jonas.

40 Porque assim como esteve Jonas três dias e três noites no ventre do grande peixe, assim o Filho do Homem estará três dias e três noites no coração da terra.

41 Ninivitas se levantarão, no Juízo, com esta geração e a condenarão; porque se arrependeram com a pregação de Jonas. E eis aqui está quem é maior do que Jonas.

42 A rainha do Sul se levantará, no Juízo, com esta geração e a condenará; porque veio dos confins da terra para ouvir a sabedoria de Salomão. E eis aqui está quem é maior do que Salomão.

A estratégia de Satanás

43 Quando o espírito imundo sai do homem, anda por lugares áridos procurando repouso, porém não encontra.

44 Por isso, diz: Voltarei para minha casa donde saí. E, tendo voltado, a encontra vazia, varrida e ornamentada.

45 Então, vai e leva consigo outros sete espíritos, piores do que ele, e, entrando, habitam ali; e o último estado daquele homem torna-se pior do que o primeiro. Assim também acontecerá a esta geração perversa.

A família de Jesus

46 Falava ainda Jesus ao povo, e eis que sua mãe e seus irmãos estavam do lado de fora, procurando falar-lhe.

47 E alguém lhe disse: Tua mãe e teus irmãos estão lá fora e querem falar-te.

48 Porém ele respondeu ao que lhe trouxera o aviso: Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?

49 E, estendendo a mão para os discípulos, disse: Eis minha mãe e meus irmãos.

50 Porque qualquer que fizer a vontade de meu Pai celeste, esse é meu irmão, irmã e mãe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionados

Salmos 54.1

Estudo Salmos 54 – Oração de Davi pedindo ajuda a Deus

O Salmo 54 é uma oração de Davi pedindo ajuda a Deus em um momento de perigo. Ele começa reconhecendo a grandeza de Deus e pedindo que Ele ouça sua oração. Davi se sente cercado por seus inimigos, que querem tirar sua vida, e pede que Deus o salve. Ele

Mateus 18.12

Estudo Mateus 18 – A Parábola da Ovelha Perdida

Neste capítulo de Mateus 18, Jesus aborda diversos temas importantes. Ele começa respondendo à pergunta dos discípulos sobre quem é o maior no reino dos céus, enfatizando a importância da humildade e da conversão, comparando os que se tornam como crianças como os maiores no reino dos céus. Também destaca

Salmos 149.3

Estudo Salmos 149 – Hino de Louvor e Adoração a Deus

O Salmo 149 é um hino de louvor e adoração a Deus. Ele nos convida a exaltar o Senhor com alegria e celebrar seu nome com cânticos de louvor. O salmista nos encoraja a cantar um novo cântico ao Senhor e a se alegrar em sua presença. O salmo nos

Temas

  » Alegria

  » Amizade

  » Amor

  » Fé e Motivação

  » Felicitações

  » Liderança

  » Pais e Filhos

  » Paz

  » Provérbios

  » Reflexão

  » Salmos

Receba inspiração no seu Email

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial